Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
25 de Fevereiro de 2006 às 00:00
Não foi preciso esperar muito para ser verdade. E provaram-se duas coisas: a primeira é que o futebol oferece um acesso directo à inteligência do jogo, ou seja, qualquer criança, desde que goste, percebe tanto de futebol como o mais perspicaz comentador. A segunda é que, independentemente do número de jogadores em campo, leva vantagem quem tiver do seu lado exímios marcadores de livres. Foi por esta razão que o Benfica contratou em Dezembro o francês Laurent Robert. O jogo de amanhã, de tão cerrado, bem pode resolver-se num livre. Ou em dois.
Almas vermelhas e tecnológicas puseram a correr na ‘net’ um videoclip de oito minutos com os livres fabulosamente apontados por Robert. Bola parada, uma corrida, um pontapé e golo. Alguém nos explica, por favor, a razão pela qual o francês está proibido de marcar livres no Benfica? Senhor Koeman, imponha-se. Allez!
Ver comentários
}