Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

UNITA quer reforço da vacinação contra a Covid-19 após 100 mortes em Angola em oito dias

União Nacional para a Independência Total de Angola salienta num comunicado a sua preocupação com o estado epidemiológico do país.
Lusa 29 de Setembro de 2021 às 13:49
Vacinação Covid em Angola
Vacinação Covid em Angola FOTO: Lusa
A UNITA apelou esta quarta-feira ao reforço da campanha de vacinação contra a Covid-19 em Angola, bem como das medidas de biossegurança, expressando preocupação com o aumento de casos e mais de 100 mortes na última semana.

O grupo parlamentar da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), maior partido da oposição angolana, salienta num comunicado a sua preocupação com o estado epidemiológico da Covid-19, mas não se mostra favorável a medidas mais restritivas.

"Apesar deste aumento da incidência da Covid-19, o grupo parlamentar da UNITA considera que eventuais medidas restritivas capazes de comprometer em larga escala a economia têm que ser devidamente ponderadas, pois acabam contribuindo para acentuar os índices de desemprego, a fome, a pobreza e a miséria, aumentando com isso o sofrimento das populações", refere a nota de imprensa.

UNITA Angola Covid-19 política partidos e movimentos
Ver comentários
}