Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

'Rei dos Frangos' guardava 200 mil euros em notas num saco do Pingo Doce

José António dos Santos tinha o dinheiro dividido em cinco sítios.
Record 13 de Julho de 2021 às 14:44
'Rei dos Frangos'
'Rei dos Frangos' FOTO: Sábado
José António dos Santos, empresário conhecido como 'Rei dos Frangos', tinha nas instalações da Avibom um milhão cento e trinta mil euros em notas, sendo que duzentos mil euros estavam num saco do Pingo Doce. De acordo com o despacho em que o juiz Carlos Alexandre anunciou as medidas de coação que iriam ser aplicadas aos arguidos da operação 'Cartão Vermelho', está explicado que o empresário tinha o dinheiro dividido em cinco sítios.
Numa caixa acondicionada numa gaveta da secretária de José António dos Santos estavam guardados cerca de 110 mil euros, aos quais se juntavam mais 400 mil guardados numa malta preta e laranja da marca 'Brig Dutchan'. Depois, num saco com a inscrição 'Museu do hospital das Caldas' estavam mais 130 mil euros, além de 20 mil euros em notas num saco alusivo ao grupo Valouro.

Recorde-se que José António dos Santos está indiciado dos crimes de burla qualificada, falsificação de documentos, branqueamento de capitais, fraude fiscal qualificada e abuso de informação.
Ver comentários