Barra Cofina

Correio da Manhã

C Studio
7
C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Candidaturas aos Prémios ao Valor Social fecham no dia 30 de setembro

Esta iniciativa da Fundación Cepsa já permitiu o desenvolvimento de 385 projetos que melhoraram a qualidade de vida de 60 mil pessoas.
29 de Setembro de 2021 às 06:53
AdvertisementDecorre até ao próximo dia 30 de setembro o período de candidaturas para a XVII edição Prémios ao Valor Social da Fundación Cepsa, uma iniciativa com larga tradição em Portugal e que premiou em 2020 cinco entidades sociais portuguesas com um total de 56 mil euros.



Este ano vão ser valorizadas as iniciativas sustentáveis que contribuam para a transição energética. A Fundación mantém a dotação de 500 mil euros para entregar aos projetos vencedores, valor que em 2020 foi aumentado em 100.000 euros face aos anos anteriores, devido à situação de crise sanitária e social provocada pela pandemia. Este reforço permite distribuir um máximo de 15 mil euros por projeto vencedor. Desde 2005, esta iniciativa já permitiu o desenvolvimento de 385 projetos que permitiram melhorar a qualidade de vida de cerca de 60 mil pessoas.

As entidades sociais que pretendam participar podem apresentar os seus projetos através desta página.

Cláudia Soares-Mendes, Portugal Marketing & Communication Manager da Cepsa, destaca que "nos últimos anos os Prémios ao Valor Social da Fundación Cepsa permitiram que diversas entidades sociais portuguesas concretizassem os seus projetos e assim ajudassem grupos mais vulneráveis". A responsável da Cepsa salienta que esta ligação com as comunidades "é um valor do qual a Cepsa não abdica". "E este ano, face à pandemia, voltamos a aumentar a dotação dos prémios, reforçando o nosso compromisso social. A aposta em projetos relacionados com a transição energética pretende garantir um futuro mais sustentável para a nossa sociedade e está alinhada com os valores da empresa. As candidaturas prosseguem até ao dia 30 de setembro. Convidamos todas as entidades sociais a apresentarem os seus projetos", desafia Cláudia Soares-Mendes.

Nestes prémios podem participar projetos sociais desenvolvidos em Portugal, Madrid, Canárias, Huelva e Campo de Gibraltar (Espanha), Colômbia e Brasil, zonas geográficas nas quais a Cepsa tem uma atividade relevante e laços estreitos com a comunidade.

A Fundación Cepsa reconhece através destes prémios o trabalho social de diferentes entidades que trabalham para melhorar a qualidade de vida de grupos muito diversos: pessoas em situação de vulnerabilidade social, desempregados, doentes, pessoas com diversidade funcional, grupos étnicos, infância, jovens e adolescentes, idosos ou vítimas de violência de género, e não só.

A importância de também proteger o ambiente

Como a Fundación Cepsa decidiu ampliar o foco de atuação para iniciativas sustentáveis que contribuam para a transição energética, os diferentes júris vão valorizar de forma positiva, embora não com caráter de exclusão, os projetos que, além de apoiarem grupos vulneráveis, tenham em consideração a promoção das energias renováveis, a eficiência energética, a mobilidade de baixas emissões, a proteção da biodiversidade ou a divulgação no combate às alterações climáticas, entre outros aspetos.

Em dezembro será anunciada a decisão de cada um dos júris locais, com a participação de representantes institucionais ligados ao campo da ação social. Posteriormente, os colaboradores da Cepsa irão escolher os cinco projetos vencedores.

A Fundación Cepsa é uma entidade de interesse geral e sem fins lucrativos que tem como objetivo a realização de ações destinadas a responder às necessidades e prioridades das comunidades locais onde a sua fundadora, a COMPAÑÍA ESPAÑOLA DE PETRÓLEOS S.A.U. (Cepsa), desenvolve as suas atividades. Os âmbitos de atuação da Fundación Cepsa são de caráter social, ambiental e científico-educativo.



}